Publicidade
Cotidiano | Entretenimento Música

A Cura vem com Vitor Kley e Lulu Santos

Músicos regravam clássico do final dos anos 80, que ganha nova conotação em meio à pandemia da Covid-19

Por Joceline Silveira
Publicado em: 02.02.2021 às 03:00

Vitor e Lulu Santos lançaram versão popularizada com vacina Foto: divulgação
Uma das canções mais populares de Lulu Santos, A Cura foi lançada há mais de três décadas pelo cantor e compositor carioca no álbum Toda Forma de Amor (1988). Na época, Lulu fazia alusão à aids, que começou a assustar o mundo na década de 1980.

Com a pandemia de Covid-19, a música ganhou atualidade em outro contexto social e sanitário, com sua dose de esperança no verso "para todo mal, há cura". Agora a composição voltou à pauta, desta vez com a cadência do músico porto-alegrense que cresceu em Novo Hamburgo Vitor Kley, 26 anos, apontado como um dos cantores mais populares da nova geração pop do Brasil. Vitor propaga a cura em single gravado com o próprio Lulu. O lançamento oficial ocorreu no dia 27 de janeiro.

Vacinação

A Cura teve um pico de reproduções no dia 17 de janeiro, quando a Anvisa autorizou o uso emergencial de vacinas contra o novo coronavírus. Os dois já tinham a versão preparada, depois de um encontro dos músicos nos bastidores de um programa de TV, quando Kley preparou uma versão da música que foi aprovada por Lulu.

"Quando ele ouviu a versão, pediu pra cantar junto. Topei na hora, pensei 'Cara, o Lulu Santos tá querendo gravar comigo' isso é louco demais", relembra Vitor.

Quando a música foi redescoberta por causa da autorização das vacinas, Lulu entrou em contato com Kley. "Ele me mandou uma mensagem dizendo algo como 'bora soltar logo essa faixa, a vacina tá aí!'", explicou Vitor em entrevista ao Jornal NH.

"E concordo demais, estamos passando por tanta coisa: saudade, medo, incerteza, isolamento. E a ciência está aí, pessoas que estudaram a vida inteira para salvar a humanidade, são nossos heróis. Temos que confiar, celebrar. Que a vacina chegue logo a toda população para tentarmos nos curar", disse o músico.

 

Gostou desta matéria? Compartilhe!
Encontrou erro? Avise a redação.
Publicidade
Matérias relacionadas

Olá leitor, tudo bem?

Use os ícones abaixo para compartilhar o conteúdo.
Todo o nosso material editorial (textos, fotos, vídeos e artes) está protegido pela legislação brasileira sobre direitos autorais. Não é legal reproduzir o conteúdo em qualquer meio de comunicação, impresso ou eletrônico.