Publicidade
Notícias | Rio Grande do Sul Pouca adesão

Mesmo com bandeira preta, índice de isolamento social é de apenas 34,4% no Estado

Número foi registrado nesta segunda-feira, primeiro dia útil com bandeira preta no Estado

Publicado em: 02.03.2021 às 10:29 Última atualização: 02.03.2021 às 14:45

. Foto: EPTC / Divulgação
O índice de isolamento social foi de apenas 34,4% no primeiro dia útil com bandeira preta no Estado. É o que mostra a plataforma Inloco, desenvolvida para auxiliar no combate à pandemia da Covid-19 ao acompanhar o coronavírus no Brasil. O mapa mostra o percentual da população que está respeitando a recomendação de isolamento. Segundo a plataforma, o mapa do coronavírus existe para auxiliar as autoridades a direcionarem os recursos de segurança pública, comunicação e saúde.

O Rio Grande do Sul ficou na 17ª colocação entre os 26 estados e o Distrito Federal considerando do maior ao menor índice de isolamento. O índice ficou muito próximo ao de meses mais brandos da pandemia como setembro e outubro de 2020, quando a média ficou na casa dos 33,4% no Estado. Para se ter uma ideia, o índice de isolamento social chegou a 62,2% em 22 de março do ano passado, no início da pandemia.

A Organização Mundial da Saúde (OMS) orienta que o índice de isolamento social seja de 70% para que resultados efetivos sejam conquistados no controle do vírus. Segundo a OMS, manter as pessoas afastadas reduz as chances de propagação do Sars-Cov-2.

Como funciona

De acordo com a Incognia, empresa responsável pelos dados da plataforma, através de sinais de rede e dados de sensores de dispositivos móveis, é criado um fingerprint de localização, ou identidade digital privada, com base em padrões de comportamento de localização únicos para cada usuário. A tecnologia de localização, segundo a empresa, é muito precisa e, ao contrário do GPS, não é suscetível a falsificações.

Ainda de acordo com a empresa, a privacidade dos usuários fica protegida. Todos os dados do estudo são agregados e não são coletadas informações de identificação civil (nome, RG, CPF) ou contas associadas (e-mail e telefone). Os usuários voluntariamente instalam os aplicativos parceiros da Inloco e podem ou não permitir a coleta dos dados.

Veja o mapa

Gostou desta matéria? Compartilhe!
Encontrou erro? Avise a redação.
Publicidade
Matérias relacionadas

Olá leitor, tudo bem?

Use os ícones abaixo para compartilhar o conteúdo.
Todo o nosso material editorial (textos, fotos, vídeos e artes) está protegido pela legislação brasileira sobre direitos autorais. Não é legal reproduzir o conteúdo em qualquer meio de comunicação, impresso ou eletrônico.